Querendo ver outros blogs meus consultar a Teia dos meus blogs

quinta-feira, 9 de agosto de 2007

Balada do sol errado

Miguel Ramos é um jovem fadista, vencedor duma grande noite do Fado em Lisboa.

Herdeiro dum grande nome o viola Miguel Ramos já falecido. também ele toca acompanhando outros fadistas.

Este fado é uma letra linda de Helder Moutinho, sobre o fado Súplica de Armando Machado

Adeus ó meu amor minha aventura
de ar sereno ao vento e brusco ao mar
Adeus minha ilusão que não tem cura
adeus amor que não te posso amar

Adeus ó rio que nasce á noitinha
e desces de mansinho as madrugadas
quem dera que essa noite fosse minha
adeus ó meu amor de águas paradas

Mas se algum dia à luz de um sol errado
brilhar na tua praia adormecida
eu voltarei ao som deste meu fado
e cantarei bom dia a toda a vida

Agora vem dormir na calmaria
deste teu rio sem rumo e sem vontade
talvez um dia amor talvez um dia
me acordes noutro rio de liberdade


3 comentários:

Anónimo disse...

Miguel, para mim, tu és dos melhores!!

Ass.:uma fadista

lfm disse...

Que pena o MIguel não ter oportunidade de gravar mais.

Anónimo disse...

esta voz e das melhorea que temos em portugal.e uma pena tanto desperdicio.sera que ninguem ouve este amigo cantar?vitor de pera