Querendo ver outros blogs meus consultar a Teia dos meus blogs

quinta-feira, 1 de abril de 2010

Errei

Este fado é muito antigo, faz parte do repertório de Celeste Rodrigues e tem letra de Alberto Rodrigues e é cantado sobre a música do fado Acácio de Acácio Gomes


Errei, mas não fui culpada,
nem sei até porque errei,
foi o destino que quis,
Errar por tudo e por nada
é uma forçada lei,
da mulher que é infeliz.

Fiz de conta o fervor
louca de amor por ele
o seguia cegamente,
era tanta a minha dor,
que andava sempre atrás dele
a errar constantemente

E hoje desiludida
quando vejo ainda parece
que continuo a errar
É a vida sempre a vida,
da mulher que nunca esquece,
o homem que soube amar




video

1 comentário:

MLeiria disse...

Luís
Este fado é do repertório da Mariana Silva. A segunda estrofe é assim:
"Quis-lhe com tanto fervor /que louca de amor por ele/ o amava cegamente..."
Abraço